Aço Inox: Características e aplicações

Existem alguns aços que são resistentes à corrosão, são os inoxidáveis. Esses aços são caracterizados pela resistência à corrosão atmosférica, pois quando estão ligados com outros metais como o Cromo e o Níquel, ficam menos reativos. São fabricados a partir do ferro-gusa em altos-fornos.

A expressão aço inoxidável nos dá uma idéia de um material que não se destrói mesmo quando submetido aos mais violentos abusos, mas na verdade esse tipo de aço não é eterno, só apresenta uma maior resistência à corrosão quando submetido a um determinado meio ou agente agressivo.

A resistência à oxidação e corrosão do aço inoxidável se deve principalmente à presença do cromo, que permite a formação de uma película finíssima de óxido de cromo sobre a superfície do aço, que é impermeável e insolúvel nos meios corrosivos usuais.
Assim, podemos definir como aço inoxidável o grupo de ligas ferrosas resistentes à oxidação e corrosão, que contenham no mínimo 12% de cromo.

O aço é facilmente corrosível por ação química ou eletroquímica. O próprio meio ambiente o danifica: o oxigênio do ar, por exemplo, quando entra em contato com o ferro contido no aço forma o óxido de ferro causando alterações naturais, porém, indesejáveis. O próprio nome já indica, aço inoxidável é um aço de alta-liga resistente à ação deteriorante do oxigênio, ou seja, não sofre oxidação. Apresenta propriedades físico-químicas superiores aos aços comuns, sendo a alta resistência à oxidação atmosférica a sua principal característica.

Aço Inox ou Aço Inoxidável é uma liga metálica constituída basicamente de uma mistura de ferro com no mínimo 10,5% de cromo, o que o torna superior ao aço comum em quesitos como resistência ao impacto, ao calor e à corrosão.

Na medida em que elementos como o silício, o carbono e o níquel, entre outros, são adicionados à liga básica do Aço Inox, ela ganha mais propriedades e aplicações. Esta diversificação possibilita criar vários os tipos de aço inox, que podem ser classificados em famílias, como as dos:

Austeníticos

Composta basicamente por ferro, cromo e níquel, têm como características a resistência à corrosão, boa resposta aos trabalhos a frio, ótimas propriedades mecânicas e facilidade em operações de soldagem. A loja online da Arinox comercializa os seguintes os tipos de aço inox da família dos Austeníticos:

Aço 304: com alta resistência à oxidação e à corrosão, esta liga é excelente para fabricação de equipamentos para hospitais, indústrias químicas, farmacêuticas e petroquímicas, entre outras, pois evita a ferrugem, cujas partículas podem alterar a composição dos produtos na hora da produção;
Aço 304L: uma versão aprimorada do 304, esta liga pode ser usada nos mesmos locais, porém, com preferência para situações nas quais é necessário evitar a corrosão intercristalina diferente de os tipos de aço inox dito acima;
Aço 316: conta com molibdênio em sua fórmula, o que torna esta liga superior aos 304 e 304L para aplicações nos mesmos tipos de indústrias;
Aço 316L: semelhante ao 316, só que com baixo teor de carbono, o que proporciona maior resistência à corrosão intercristalina;
Dúplex

Conta com cromo, níquel, molibdênio, austenita e ferrita em sua composição. Um exemplo é o aço 2205. A família Dúplex tem resistência mecânica superior à família dos Austeníticos. Tem aplicações em dutos, evaporadores, destiladores e tanques diversos, pois suportam melhor a corrosão sob tensão;

Endurecíveis por precipitação

Pertencem a esta família os aços 17 e 520B, que podem ser tratados termicamente para oferecer boa tenacidade e ductilidade;

Ferríticos

Aços como o 430, por exemplo, que não contêm níquel em sua composição, o que reduz seu custo. É utilizado na produção de eletrodomésticos, moedas e talheres;

Martensíticos

Aço 410: serve à fabricação de válvulas, turbinas e pás, entre outros materiais que exigem alta temperabilidade;
Aço 420: ideal para a produção de facas, bisturis, pinças e outras ferramentas.
Mas não para por aí. Os tipos de aço inox e famílias de Aço inoxidável são constantemente desenvolvidas com a finalidade de atenuar os pontos fracos das ligas já existentes e/ou atender à demanda de novas aplicações industriais.

E o que é melhor é que o Aço Inox é 100% reciclável, o que possibilita a transformação de peças antigas em novos produtos sem a necessidade de destruir o Ambiente para retirar mais matéria-prima para processos industriais.